Adoramos interpretar, saiba qual é a sua máscara!

Existem 8 tipos de personalidade, qual a sua?

tumblr_mgo1flPOu51s2oma7o1_500

1.  O joker – Este indivíduo adora fazer rir as pessoas e rir-se de si mesmo;

2. O quinestésico – Adora utilizar o seu corpo. Adora actuar, dançar, nadar, praticar desportos, etc;

3. O explorador – Adora explorar novos locais, cidades, conhecer  pessoas, desenvolver novos conhecimentos e novas experiências;

4. O competidor – Altamente competitivo. Adora resultados e vencer;

5. O director – Adora planear, organizar, eventos- desde o dia-a-dia, festas e outros;

6. O coleccionador – Adora coleccionar coisas: objectos, amizades e experiências;

7. O artista/criador – altamente criativo. Adora conceptualizar coisas, construi-las e repara-las. Adora utilizar as suas próprias mãos para criar coisas;

8. O contador de histórias – Tem uma grande imaginação. Sabe como captar a atenção da audiência. Bom em apresentações/palestras.

A verdade é que somos um misto de algumas delas. O ideal é tirar proveito delas e divertir-se com isso.

Baseado no livro  Brown, S. (2009). Play: How it Shapes the Brain, Opens the Imagination, and Invigorates the Soul. Penguin: New York.

Anúncios

Os 7 Pilares da alimentação de um corredor

A alimentação é um dos factores mais importantes no rendimento de um corredor.  Para a obtenção de bons resultados não são só os treinos que devem ser tomados em conta, a alimentação é essencial.

tumblr_mgforjEoYI1qkvlj0o1_500

Aqui ficam 7 conselhos básicos:

1.Deve-se comer de uma forma geral, todo tipo de alimentos. A dieta  deve ser o mais variada possível com preponderância nos cereais, verduras e legumes.

2. Para uma corrida de 10Km não deve fazer-se nenhuma dieta especial mas, deve evitar comer alimentos que sejam novidade para si, para prevenir possíveis problemas estomacais!

3. O jantar do dia anterior à prova é a refeição mais importante pois é a que vai preencher os nossos músculos de glicogénio (reservas). O descanso é também importante nos dias anteriores à corrida.

4. O pequeno-almoço é uma refeição fundamental para todos mas ainda mais para um corredor,  ajuda a regular a energia no trabalho, lazer e treino.

5. No dia da prova, o pequeno-almoço deve ser curto e com várias horas de antecedência para não criar conflitos gástricos ou de flatulência. A energia do jantar, anterior à prova será suficiente para cobrir as necessidades.

6. Antes da corrida é importante manter a hidratação, bebendo nas 3-4 horas antecedentes água em pequenas quantidades. É mais importante beber água antes da prova do que durante a mesma para evitar as cãibras e outros problemas associados à desidratação.

7. Os deveres não acabam quando cruzamos a meta, também conta recuperar bem, com uma óptima hidratação. Comer algo, como fruta, após a prova, é importante pois é uma altura onde ocorre a absorção de nutrientes e preenchimentos dos depósitos musculares.

O corredor moderado

É difícil nao ser apologista do velho conselho “moderação em tudo” mas, os corredores moderados levam este conselho ao limite.  Espere, não, o moderado não leva nada ao extremo. Treinam por um  tempo moderado, numa distância moderada e sempre a um ritmo moderado. Podem até treinar velocidade e fazer treino de força mas, não muito!

Quem é que pode ser contra a moderação?

Imagem

Vida: Se a sua vida não é frenética mas é organizado e motivado, então é o candidato certo para uma corrida moderada. O corredor moderado “Deve gostar de corridas e melhorar os tempos sem cometer loucuras” (segundo Holly Jamison, conhecida treinadora de Endurance)

Treino Cárdio: Recomenda-se uma corrida longa, uma de ritmo ligeiro e um treino de séries e velocidade. Com esta metodologia terá a variedade, necessária, para se manter em forma, sem implicar um grande risco de não progressão do treino.

Treino de Força: Se tiver possibilidade faça-o duas vezes por semana. Uma rotina simples e divertida com actividades que envolvam a maioria dos grupos musculares (circuito), treino de força específico e de flexibilidade e não, não tem necessariamente de ser no ginásio.

Nutrição: O corredor moderado precisa de energia extra, por isso não deve “saltar” refeições ou grupos alimentares importantes. Para  as corridas longas sugere-se que coma, duas horas antes, fatias de pão com pastas de amêndoa/amendoim/sésamo  e uma combinação de proteína e hidratos de carbono, como um batido de leite de aveia com um cereal de absorção rápida e fruta da época.

 Calçado: os ténis de corrida perdem a sua capacidade de absorção ao ritmo de 15% a cada 120Km portanto, o moderado deve substituir os seus ténis a cada 6 meses. Registe a data da compra! Se a sua carteira deixar compre também uns ténis mais leves para as corridas mais rápidas.

Saúde:   O Institute of Medicine americano que aconselha 30 minutos vigorosos por dia o que vai ao encontro do corredor moderado.  Se o seu objectivo é a manutenção de peso ou saúde então, uma corrida moderada é perfeitamente adequada.

SEMANA-TREINO TIPO

2.a feira: Circuito de treino de força

3.a feira: 3 Km marcha, 6x400m (400m marcha entre séries), 2 Km marcha

4.a feira: Circuito de treino de força

5.a feira: 6Km ritmo moderado

6.a feira: 10Km ritmo moderado

Sábado: descanso

Domingo: 6-8Km

Reflexão: Correr pela nossa vida?

“Os padrões que nos conferem longevidade e robustez (em termos de saúde cardiovascular) são diferentes dos exigidos aos corredores de maratonas/ultra-maratonas. No treino diário o ideal será introduzir actividades físicas que impliquem menos sofrimento e mais divertimento”.

Dr. James O’Keefe Jr. é director do Preventative Cardiology Fellowship Program e do  Preventative Cardiology at Cardiovascular Consultants do Saint Luke’s Mid America Heart Institute, em Kansas, Estados Unidos da América.